domingo, 5 de maio de 2013

Rompimento



 
A mulher dizia: - A loucura me ronda, mas é minha amiga... me doa pensamentos originais e criatividade.
Então a loucura se aborreceu. Queria chamar atenção, ser ela a criativa, fazer diferente. Gritou dentro da mulher a ponto de romper seus limites. Mas, ao saltarela ainda conseguiu responder: - você não me domina, sem minha vida, você jamais existiria, agora eu te abandono!

escrito em 01-05-2013 

2 comentários:

Eduardo Oliveira disse...

Adorei esse conto, angela.

Angela disse...

Obrigada Dudu!
também tenho gostado das mudanças que vc tem feito... em geral!