domingo, 28 de abril de 2013

Minha mãe




Minha mãe
Passa seu tempo a se preocupar comigo
Teme que eu adoeça, diz que sou promíscuo
acha que como pouco e bebo demasiado
que dirijo sem cuidado
e me exponho a muitos riscos.

Esta é minha mãe
que ocupa a sua vida com a minha morte.

25-04-2013

4 comentários:

dudv disse...

Interessante.

Angela disse...

Quantas mães, conscientemente, como se cuidassem, de fato estão sempre a pensar na morte dos filhos?

Americo disse...

Querida Angela,
E quantos pais, pluto-saturno-doentios fazem isto, quotidianamente, ano-pós-ano, num sofrimento infinito que insiste em não lhe abandonar, como autopunição de um pecado que desconhece? Meu abraço, com a admiração de sempre.

Angela disse...

Querido, feliz em te receber aqui. Por vezes culpa, por outras, medo até da pp vida que contém a morte, como não?

Obrigada por suas palavras sábias e por sua amizade.