segunda-feira, 4 de junho de 2012

Plenilúnios



Na cidade, cresciam as clínicas de depilação. Pessoa alguma desejava ter traços primitivos. Enquanto humanos baniam de seus corpos resíduos de herança animal, mais crimes bárbaros eram cometidos por supostos lobisomens.

escrito em 27-04-2012

4 comentários:

dudv disse...

Adorei este, angela. Reprimindo mais a animal que tem dentro da gente, mas ele encontra brechas para fugir.

eucontista disse...

pois o lobisomem talvez prefira a carne sem pelos. Mais fácil de cravar os dentes...

Angela disse...

É isso mesmo Dudu! penso que o animal em nós precisa ser alimentado e acarinhado para não se tornar destrutivo.

Angela disse...

eucontista
a eterna atração de opostos! O lobisomem já tem sua quota de pelos!