terça-feira, 19 de julho de 2011

Um legítimo gostar



Andava cada vez mais esquecido. Em um blog, leu um conto que muito lhe agradou. Cobriu o escritor de elogios e ao procurar o endereço para divulgar a página, descobriu que o texto era seu.



escrito em 16-07-2011

4 comentários:

dudv disse...

Adorei!

Angela disse...

É a tua cara...
obrigada.

Lívia Inácio disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

bom, muito bom!

Angela disse...

Obrigada Lívia,

ás vezes alguma história precisa ser mais leve, não é?
Ainda não disse, mas adoro seu nome!