quarta-feira, 9 de junho de 2010

Resgate

Ofelia__s_Path_by_InertiaK

Perdera a infância, a alegria e os sonhos submersos nos jardins do medo. Idosa, mergulhou no fundo de si mesma para recuperar o que pudesse. As mãos encarquilhadas, ossos rangentes e passos trôpegos recolheram trapos de passado, jogos e histórias impensáveis. Parecendo demente, amedrontava os que não percebiam a menina feliz que, banida do mundo racional, se divertia com tantas fantasias.


escrito em 09-06-2010

2 comentários:

dudv disse...

Lindo. Adoro quando aborda sobre memória.

Angela disse...

Oi Dudv, sabe que não pensei em memória quando escrevi?

Apenas na liberação de conteúdos inconscientes, no que chamam de "loucura" ou senilidade.