quinta-feira, 20 de maio de 2010

Cidade Vendida



Há tempos se surpreendia com nomes americanos infestando lojas e eventos da cidade. Naquela manhã percebeu uma placa de rua escrita apenas em inglês. Não, não se tratava de avanço em prol do turismo, pois a palavra Lagoon referindo-se à Lagoa da cidade, não aparecia também em português. Decidiu, então, andar com o passaporte na bolsa.


escrito em 19-05-2010

4 comentários:

dudv disse...

Reamente às vezes eu me sinto estrangeiro da minha própria cidade.

Angela disse...

Eu acho o cúmulo a falta absoluta de personalidade deste nosso país, notadamente deste Rio de Janeiro! Aqui tudo é imitação barata!

Beto Guimarães disse...

Tô contigo e não abro. Muito bom.

Angela disse...

Obrigada Beto!