quinta-feira, 29 de abril de 2010

Apagando sinais

juan-yanes-manos 500


Tinha as mãos muito claras, longas e delicadas. O simples observador via gentileza e aristocracia nos gestos discretos, quase tímidos. Na convivência entretanto, a compulsão de lavá-las a todo instante, evidenciava culpa e tensão incontroláveis.

escrito em 28-04-2010

2 comentários:

dudv disse...

Excelente!!

Angela disse...

Obrigada Dudv! Que bom ter gostado!
Tinha que escrever algo especial para esta belíssima foto de meu querido amigo Juan.