sexta-feira, 21 de março de 2008

Valores

rolex_president04_face


Aos gritos ele implorava: - salvem meu Rolex!
Um carro, em alta velocidade, havia passado e arrancado seu braço.
- Logo o esquerdo, o do relógio!


escrito em 12-03-2008

5 comentários:

Júlia Moura Lopes disse...

eheheh

pode ser que desse modo dê valor ao que é realmente importante! :-)

beijinho de Páscoa Feliz

eduardo disse...

Pois é... se importar mais com um objeto do que a saúde, para mim, é o pior de todas as misérias, a da alma.

Anônimo disse...

Na mesma sequência do conto anterior, mas mais forte. O exterior como base para a vivência e a aceitação em sociedade.

Feliz e Santa Páscoa, Angela.

Beijos, MA

Gardagami disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Angela disse...

Júlia
Muito obrigada! Alegrias e flores nesta Páscoa!

Eduardo
Que miséria não? E a pequenez da alma é o começo de todas as demais!

Querida MA
O que não se faz por uma vazia mas...bela imagem!
Que brotem com vigor suas transformações e que "tuba" algum possa peturbar, jamais! bj.