sábado, 5 de janeiro de 2008

Solidão

megalomania- foto dudex

Nunca teve amigos. As pessoas estranhavam seu aspecto pouco comum.Depois de estudar por anos a fio, já conseguia esculpir. Fechou-se no atelier e já estava por terminar seu grande projeto. Imaginou alguém maior que ele. Queria ter um pai, um igual para conversar e acarinhar.
No orfanato onde crescera pessoa alguma conhecia sua origem.


escrito em 03-01-2008

5 comentários:

dudv disse...

Deve ser duro viver sem referências.

Edson Marques disse...

Belíssimo o teu texto!



Numa tentaviva de comentário, digo que certas pessoas (poucas) conseguem transformar em solitude aquilo que seria apenas solidão...


Abraços, flores, estrelas.

Gostei da frase (que não é) do Chaplin, que você deixou pra mim.

Angela disse...

Dudv
Deve mesmo! Mas a pessoa acaba criando, penso eu!

edson marques

Obrigada. Concordo com você, completamente. Estar só é estar consigo mesmo e só quem encontra um vazio ou um inferno, pode sentir-se só ou com medo.

Vou te enviar a mensagem da dona do texto. Procurei e achei nos arquivos.

125_azul disse...

Como só vc acha palavras e imagens tão pertinentes...

Angela disse...

125 azul
Não creio que seja só eu!
Mas, comigo é assim: Capto muitas imagens e arquivo ou então procuro muito...para um texto já escrito.

Outras vezes, se dá às avessas. Olho para uma imagem e crio o texto. Foi o caso desta aqui. estava guardada e foi usada como isca para a imaginação que, há dias em que está em baixa!

beijo grande!