sexta-feira, 18 de março de 2016

AS CASAS DAS MENINAS




Corria no vilarejo a história estranha. As casas estavam fechadas há muito tempo, embora vez ou outra uma janela se abrisse, uma porta batesse, alguma fumaça saísse por uma das chaminés. Entretanto, rapaz algum do correio local se dispunha a entregar a correspondência que continuava a chegar. Já era o sétimo garoto desaparecido ao bater naquelas casas.

em 18-03-2016


2 comentários:

Eduardo Oliveira disse...

Medo, quem são estas menidas...

Angela disse...

Ah, ah! estão longe... estas coisas só ocorrem na Inglaterra! :D