segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Na corda bamba



Gostava de suspense e temia que, pelo tédio do casamento, a mulher o traísse. Então , para assediá-la, transformava-se em personagens diversos. Ora era assaltante de estrada, invasor de sua própria casa, em seguida era o policial, o bombeiro, o vizinho voyeur, surpreendia a esposa com vestuários femininos e outros ainda mais bizarros.

Ela, desejosa de rotina e segurança , se apaixonou pelo porteiro do prédio.


escrito em 11-12-2011

5 comentários:

valuck disse...

hahaha ...
very good !
nada como o bom humor nesse oceano que é a vida ...

valuck disse...

porque a tristeza, esta, só sóbra ...
sossobra ...

Angela disse...

Obrigada pela visita- não precisa pular a janela,ok?

dudv disse...

Adorei!!

Angela disse...

Oi Dudu!
Anda recolhido?
obrigada.