sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Padrões


Era frígida mas, para alegria de seus vaidosos parceiros, gritava alto simulando prazer. Quando teve o primeiro orgasmo, ficou tão emocionada que permaneceu muda e concentrada. O homem, inseguro e decepcionado, tomou um porre e sumiu.


escrito em 14-09-2010

2 comentários:

dudv disse...

belo conto. Gostei muito,

Angela disse...

Obrigada Dudv!