quinta-feira, 15 de julho de 2010

subtítulos

dino valls 9

Se te digo que sim, você compreende bem. Se digo não, eu não me compreendo. Assim caminhamos pelos dias em mútua insatisfação, constante e dissimulada. Coerentes, afinados, sem conflitos aparentes. Eu, desejando que um sim seja entendido como negação, enquanto você quereria uma negação convincente.

escrito em 13-07-2010

4 comentários:

dudv disse...

Muito bom! paradoxal!

Angela disse...

É... a vida é um paradoxo, ou não?

:: Giselly :: disse...

Fiquei aqui pensando em dizer alguma coisa mas as palavras somem...
Então... Parabéns!

Angela disse...

:: Giselly ::
Que coisa boa esta sua visita!
Aprecio o silêncio, é tão rico!
Obrigada, sim?