terça-feira, 30 de março de 2010

contágio


O lugarejo era pacífico. Nas casas, pelas janelas e portas abertas entravam passarinhos, a brisa da manhã, raios de sol e algumas folhas. As pessoas eram bem-vindas e quando alguém precisava, todos corriam a ajudar. Partilhavam alimentos, roupas e ervas para os chás, até que ele chegou. O homem da cidade grande os chamou caipiras e prometeu trazer civilização. Trancou portas, fechou janelas, contou histórias de medo e violência. Aos poucos todos começaram a desconfiar, a temer e então o primeiro roubo, o primeiro crime...


28-03-2010

2 comentários:

dudv disse...

Adorei!!!

Angela disse...

Que bom dudv!
Sua amiga hoje fica mais velhinha.