sábado, 19 de setembro de 2009

Modéstia Invulgar


Bertoldo era grande amigo de todos. Fazia setenta anos e seus companheiros resolveram festejá-lo com um belo banquete. Todos concordavam que merecia a homenagem, sobretudo por sua marcante e invulgar modéstia. O jantar foi sucesso absoluto, não fosse pelo fato de que, ao findar a noite, alguém percebeu que o festejado não havia sido convidado.


escrito em 14-09-2009

2 comentários:

dudv disse...

Amei e morri de inveja! eu queria ter escrito este conto.

Angela disse...

dudv
pois escreva! Há muitas outras qualidades que merecem ser contadas!