sábado, 28 de fevereiro de 2009

Homo sapiens?

O disfarçe do bicho pau


Sentindo-se diferente e mais evoluído que os demais, esqueceu o instinto de proteção - dom com que a natureza habilita os seres para preservar as espécies. Cheio de vaidade, jamais se misturava; exibia sua singularidade e excentricidade em todo lugar aonde ia. Por sua arrogância, sofreu discriminação desde a mais tenra idade e, ainda jovem, acabou roubado e espancado até a morte ao entrar numa favela com sua super moto, exibindo trajes e postura de garoto rico.

escrito em 24-02-2009

2 comentários:

dudv disse...

A prepotência do ser humano, muitas vezes é burra, como o protagonista desta história. Parabéns!!! O conto é ótimo.

Angela disse...

Obrigada Dudv!