quarta-feira, 24 de setembro de 2008

A Escolha

buffett-solitude - desenho encontrado na web

Pálido, inquieto, tirava e colocava os óculos, lendo o papel que dobrava e desdobrava constantemente. O olhar desfocado parecia não ver nada além daquela folha.
O garçom trouxe uma garrafa de vinho e, embora o calor,bebeu até esvaziá-la.
Ao levantar, cambaleou caindo ao chão. Num instante a ambulância o levou. Sobre a mesa ficou o papel.
O receituário médico, diagnosticando um possível aneurisma cerebral, entre outras recomendações, proibia fumo e uso de bebidas alcoólicas.


escrito em 14-09-2008

3 comentários:

alexandre guardiola disse...

nosso indefectível instinto suicida..

dudv disse...

Coitado...

Manteve o suspense até o final.

Angela disse...

Alexandre
Ou o medo... ele pode ser parceiro de tanatos!

Dudv

É, apavorou-se e precipitou a história.
Tenho sabido, a cada dia mais, destas "sutilezas" criminosas cometidas por médicos insensiveis que só vem a doença em lugar de ver a pessoa!