segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Desejos - Ar Livre

gruta do Maquiné - MG - Brasil - imagem da web


A primeira vez foi na viagem às grutas de Maquiné.
Enquanto todos se encantavam, ela sufocava. Só voltou a se sentir bem quando correu para fora e, aliviada, respirou.
Anos mais tarde, tudo ficou claro. Seu nascimento fora um milagre. Quase tinha morrido no útero materno.

escrito para Minguante agosto em 16-06-08

leia outros contos publicados em Minguante http://www.minguante.com/?num=11&pag=textos

2 comentários:

eduardo disse...

Belo conto!!

Adorei os seus nesta edição.

Principalmente da menina e a fonte

Angela disse...

Obrigada Dudu!
Os seus também agradaram muito!
O da fonte eu já havia publicado faz tempo, acho que em Ideália!
Também gosto mais dele!