quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Aprendizados

foto de Allan Jenkins - mulher


Depois do incêndio aprendeu a desfazer-se de apegos, a tirar o cheiro tóxico das roupas e utensílios que sobraram e ainda como lidar com seguros e maldades humanas. Só não houve quem lhe ensinasse a livrar-se do cinzento amargo que impregnou sua alma.
escrito em 09-10-2007

4 comentários:

eduardo disse...

Nossa... que aprendizado!

Angela disse...

Eduardo
É, foi. E até hoje as marcas estão aqui. Todos aprendemos muito e, a parte prática, até hoje me cobro de escrever um artigo instruindo as pessoas sobre este evento tão terrível para uma família.

125_azul disse...

mas vc consegue que o cinza amargo seja clarinho e doce, sempre, sempre...

Angela disse...

Querida amiga
Pra uso externo, talvez vc. tenha alguma percepção desta forma. Daqui de dentro, tenho descoberto que ficou um chumbo pesado e acre a corroer a alma. E não sei como clarear...