quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Seres extraordinários

A minha visão-Nelson . Ribeiro- em olhares.com




Em um dia de sol, uma pequena flor silvestre se apaixonou por um arbusto que vivia a seu lado no jardim. Começou a fazer força para crescer e igualar-se a ele em garbo e estatura. Tanto fez que acabou sendo colhida por um biólogo que estudava o efeito das paixões sobre os não humanos.


escrito em 16 de setembro de 2007

3 comentários:

125_azul disse...

E que sensibilidade a do biólogo! Por um lado, dedicar-se a um tema tão bonito, por outro, fazer um amor fenecer... será que não podia estudar in loco?
Beijinhos

dudv disse...

Nossa, aprentemnte singelo e tão forte ao mesmo tempo. Acho isto tão LITERATURA!!

Angela disse...

125_azul!
Ih! quem sabe ele fizesse isto e daí podia se apaixonar pela flor e despetalar-se todinho... :D

Dudu
Você parece, de fato, um fã dos opostos complementares!