sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Ânsia por companhia


Ele vivia enclausurado em seu quarto, em sua vida, escrevendo. Assim que terminava uma história interrompia o que ela estivesse fazendo para que o escutasse, embora nem ouvisse sua opinião. Ela cedia já que o mais seria apenas silêncio e abandono. 
 
em 07-01-2017

2 comentários:

Eduardo Oliveira disse...

Ótimo também!

Angela disse...

Como é difícil conviver...