quinta-feira, 3 de março de 2016

Negação



Por mais que o considerassem duro, teimoso e dominador, continuava a se ver como alguém flexível e manso. Afinal, após anos de terapia, tinha plena certeza sobre si mesmo!


14-02-2016

2 comentários:

Eduardo Oliveira disse...

Muito bom este!!!

Angela disse...

Ah! as certezas... que coisa perigosa!