domingo, 16 de novembro de 2014

O Artista


blue boy


Tentava driblar a melancolia que o abatia mas, ao pintar seus quadros, sempre optava por cores suaves e tristes. Muito desorganizado, terminava o trabalho todo borrado com as tintas que usava. não sabia se era a química do pigmento que o deprimia ou se absorvia a tristeza dos personagens retratados.


12-11-2014

2 comentários:

Eduardo Oliveira disse...

Que conto sensível, gostei muito

Angela disse...

obrigada Dudu! Como artistas são, geralmente, sensíveis...