sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

ALMA





Sentia-se sozinho sem ela. Tão masculino, racional e árido, só se sabia pela metade.
No espelho, podia perceber sua contraparte feminina.Quieto, esperava que um dia ela aflorasse para que fosse completo.


escrito em 31-12-2011

2 comentários:

dudv disse...

Lindo e triste!

Angela disse...

Oi Dudv,
que bom surgir, estava sumido.
Não era para ser triste, eu só falei de um ser que espera sua alma aparecer dentro de si e fazê-lo menos frio e racional.