domingo, 31 de julho de 2011

Lápide



E nada haverá senão retângulos de pedra e cimento a cobrir nossas angústias e vaidades, a sufocar todas as esperanças, deixando escrito, apenas, um nome e a data em que abdicamos de lutar.

2 comentários:

dudv disse...

Bonito!!

Angela disse...

Se lembrássemos disto de vez em quando, não haveria tanta vaidade e expectativas, tanta frustração...