quinta-feira, 19 de maio de 2011

A prova

estaleiro mauá - petroleiro em construção

Por ocasião da construção de um grande petroleiro, ocorreram vários acidentes com muitas mortes. Entrevistado sobre as causas de tanta desgraça, o comandante-diretor, frio e despótico, respondeu:- Não se constrói navios sem mortes. No dia da prova de mar, seu filho mais velho foi escalado para o teste do tão importante petroleiro. Um infarto súbito matou o rapaz e o barco acabou avariado, confirmando a sentença cruel.


escrito em 19-05-2011

2 comentários:

dudv disse...

Cruel!!

Angela disse...

Oi Dudu!
Cruel era a forma como este cara tratava os pobres operários que morriam e ele não tomava providência alguma. Eu vivi isto, não foi invenção.