quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Entre as suicidas

imagem de campanha de prevenção a aids


Estava lá dentro e, assim que se acostumou à penumbra, descobriu muitas, muitas coisas femininas emboladas e, nem sempre a tônica era mulheril. De alguma forma começaram, como de hábito, uma conversa interminável, cruzada e barulhenta sobre as razões de estarem ali, expostas a ruína. Algumas resolveram, já que outras se deprimiam complacentes, revolucionar e reverter suas escolhas. Por quase unanimidade, decidiram que homicídio era muito, mas muito mais criativo e apaixonante. E renasceram pérfidas, mas muito animadas e divertidas!


escrito em 31-10-2009
a partir do e-mail : Escritoras Suicidas | Edição 37 | Com você dentro.

6 comentários:

dudv disse...

Excelente. Está inspirada!!

Ideologia Poética disse...

Adorei ler seus textos, te encontrei sem querer no google procurando outro blog... O que posso falar assim, de sopetão, é que você escreve muito, muito mesmo...

Angela disse...

Dudv
Este foi inspirado pelo e-mail da editora. Dizia textualmente - Escritoras suicidas - com você dentro. Daí foi fácil me imaginar com um bando de matracas!

Angela disse...

Ideologia Poética

Muito grata pela visita e por este recado tão franco. Assim me soou. Tomara que eu escreva assim, tanto e tão bem!
Fui ver seus poemas rapidinho pois tinha visita e gostei. Volto para deixar um recado.

cs disse...

é. Super mesmo.
Tenho seguido desde há um mês. Passo diáriamente e vou lendo , lendo e saboreando.

:))

Angela disse...

cs
Sabe CS, antes de responder ao comentário de alguém novo, costumo ir ver o blog desta pessoa, é como uma apresentação mútua, entende?
Adorei as músicas que ouvi e concordei com algumas idéias. Sobre a adoção, por ex. quer melhor coisa na vida que ser escolhido e querido por alguém? O mais, é o de menos.
Obrigada por estar lendo o que escrevo. Fiquei muito contente! Um abraço meu.