quinta-feira, 15 de outubro de 2009

A sina dos Gênios

homemperdido-autor-FernandoFigueiredo



Eram oito irmãos. Quase todos tinham conseguido bons empregos, constituíram família, viveram e morreram na cidade natal como cidadãos honrados e pacíficos. Entre todos, três tinham fama de parasitas: Dois eram gênios tão completos que jamais conseguiram saber o que fazer de suas vidas. O terceiro perdeu-se pelo mundo tido como louco. Este, ao morrer, tendo as obras valorizadas como únicas, trouxe fama e fortuna para a família e a cidade onde nasceu.


escrito em 11-10-2009

9 comentários:

dudv disse...

Sem palavras. Muito bom!

um branco colorido disse...

É....
Louco né?
ãhã!

Angela disse...

Grata Dudv

Angela disse...

um branco colorido
Louco às vezes é um grande elogio!
obrigada por estar aí!

José Eduardo Lopes disse...

Esta me fez lembrar a relação entre dois irmãos, Theo e Vincent Van Gogh, o comum e o génio; no qual a solidez burguesa do primeiro ajudou Vincent a prosseguir o seu trabalho, mesmo quando o olhavam como louco, com direito a internamento e tudo

Angela disse...

José Eduardo Lopes
Bem lembrado José! É que fiquei tão ligada aos que nada fizeram com seus potenciais e nem me lembrei desta criatura a quem respeito e gosto tanto! Que bom vc lembrar!

Adriano Nobre disse...

Peço desculpa por esta invasão ao seu blog, mas creio que a fotografia que põe neste post, não é da autoria de fernando figueiredo, mas sim de josé d'almeida. http://olhares.aeiou.pt/http__bryoutubecom_watchv_zs35cbgoxbc_foto1427005.html
Deixo-lhe o link no site para que possa aferir.

Angela disse...

Adriano,
muito nobre de sua parte defender a obra alheia. Eu captei esta foto exatamente deste site, já fazem anos. Voltando agora, vejo que
o nome de Fernando Figueiredo consta na pagina que me indicaste, com endereço de e-mail. Me pareceu que são co-autores das fotos. Então, para não ser injusta - coloco créditos para ambos, ok?
Será que assim fica bom?
Grata pela sua observação.

Angela disse...

Infelizmente o serviço do blog está indisponível para editar esta postagem - Fica o reparo aos créditos da fotografia, de acordo com o comentário postado por Adriano Nobre