sábado, 24 de janeiro de 2009

Laços e Lapsos



Andava trabalhando muito e sua memória falhava a toda hora. Uma noite, para lembrar de uma coisa importante a fazer, mudou de mão a aliança de casada, colocando-a no dedo da mão direita. Dois dias depois, ao lavar as mãos após o almoço reparou na troca feita. Passou o dia a se perguntar o que era aquilo, se estava noiva e com quem seria o compromisso. Teve receio de comentar o fato, mas aquilo não podia continuar, precisava marcar consulta urgente com seu clínico. Antes de ir para casa, atendeu uma ligação. Era o marido que perguntava: - E então, afinal se lembrou de ligar para o médico?

escrito em 24-01-2009

2 comentários:

dudv disse...

Muito bom, mostra que hoje em dia com o turbilhão de afazeres e percepções o cérebro não consegue processar tantos dados assim. Parabéns, está bastante inspirada!!!!

Angela disse...

Obrigada Dudv!
parece que a inspiração deu um descanso, mas voltou ou está voltando, devagarzinho...