domingo, 17 de agosto de 2008

Contos pelo Avesso - Rapunzel

Rapunzel- paul zelinsky


Quando o princípe estava quase chegando, ela pensou bem e cortou a trança. Vivia em sua torre, tão bem consigo mesma...
Não suportaria um homem pendurado nela pelo resto da vida.


Postado em IDEÁLIA-1/17/2007

Um comentário:

JúliaML disse...

Perfeito,este conto...

Angela, perdi seu mail,pois meu computador foi formatado. Tenho algumas noticias por interposta pessoa.

beijo
juliamoura.lopes@gmail.com