quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Afinidades

Aninhados- foto de Paulo Madeira- olhares.com



Eram vizinhos e amigos há anos. Nos fins de semana, eles iam juntos à sauna e elas corriam as lojas. Em um dia de temporal, voltaram mais cedo para casa. Juntas, na ducha, descobrem a paixão contida. Saindo do banho encontram enlaçados sobre a cama de casal, adormecidos e nus, seus maridos.


Escrito em 06-09-07

5 comentários:

125_azul disse...

Isto é que é afinidade de alma. Faz lembrar aquele outro livro com o mesmo nome.
Beijinhos

Angela disse...

125azul
É mesmo! E vc. me deu aquele livro, maravilhoso! Pena que não encontre a autora por aqui.

eduardo disse...

Revelador e poético, adorei!!!

PALAVRAS&POESIAS disse...

Parece impossível, mas não é. A ficção inventa a realidade ou a realidade inventa a ficção?

Angela disse...

Amigos
Eduardo e Ana Mello,contistas de mão cheia!
obrigada pela visita!